Tempos Radiante

HÁ TEMPOS QUE NÃO MORREM..E SE FOREM TEMPOS RADIANTE , ELES TORNAM ETERNAS AS PESSOAS QUE NELE SE ENVOLVEM.... ( a de Antônio )

domingo, 3 de maio de 2020

Festival de lives reúnem artistas da nossa Zona da Mata, de João Pessoa (PB), Nova Friburgo (RJ)


Festival Fique em Cena transmite ainda shows, espetáculos de dança e filmes, Apresentando ainda shows : Emmerson Nogueira e Otto, espetáculo do Grupo Corpo e filme com Lilia Cabral




O Grupo Energisa promove de 1º a 8 de maio o Festival Fique em Cena, com apresentações musicais de bandas e artistas brasileiros ao vivo pelo seu canal no You Tube. O evento faz parte do Movimento Energia do Bem, liderado pela empresa, e tem um canal de doações para que os espectadores contribuam financeiramente com os artistas locais da Zona da Mata mineira, João Pessoa (PB) e Nova Friburgo (RJ) que precisaram interromper os concertos nas Usinas Culturais da empresa por causa das medidas de combate à Covid-19. Na descrição de cada transmissão, haverá um link para a plataforma de financiamento coletivo da Evoé, onde o público poderá efetuar as doações.

Ao longo do Festival, a plataforma digital www.poloaudiovisual.tv terá em destaque o espetáculo “Dança Sinfônica”, do Grupo Corpo, Marco Antônio Guimarães e da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais; os concertos da Orquestra Ouro Preto “Quem perguntou por mim”, em homenagem a Fernando Brant, e “Valencianas”, com Alceu Valença; e a exibição do longa-metragem “Maria do Caritó”, protagonizado pela atriz Lilia Cabral. Já no encerramento do evento, no dia 8 de maio, o público poderá contar com uma programação especial com apresentações ao vivo de Emmerson Nogueira, Otto, Dudu Lima, Aline Calixto, Sandra da Portela e Pereira da Viola.

Daniele Salomão, vice-presidente de Gente e Gestão do Grupo Energisa, explica que o evento fortalece o meio artístico e o público. “Com as medidas de isolamento social para evitar a propagação do novo coronavírus, os shows programados para as nossas Usinas Culturais precisaram ser cancelados ou adiados. Os artistas também ficaram sem o seu público, então investimos nesse canal de aproximação que vai permitir que as pessoas assistam aos shows de casa e ainda possam ajudar os músicos das suas regiões”, conta a executiva.

Movimento Energia do Bem
O Fique em Cena integra o Movimento Energia do Bem, liderado pela Energisa junto com 13 parceiros para viabilizar ações emergenciais que ajudem a superar a crise humanitária provocada pela pandemia nos 11 estados onde atua. As iniciativas incluem doação e manutenção de ventiladores pulmonares, obras elétricas em unidades públicas de saúde e a captação de recursos para assistência a idosos. 

Também foi criado o portal Energia do Bem, com informações confiáveis sobre a doença e conteúdo para reduzir os impactos do isolamento social, como a mostra Cine Fique em Casa, que funciona na plataforma www.poloaudiovisual.tv. Trata-se de um serviço de streaming gratuito com filmes nacionais produzidos no Polo Audiovisual da Zona da Mata (MG) e em outras regiões do país, todos patrocinados pela Energisa. 

O canal é fruto de uma parceria com o Instituto Fábrica do Futuro e a empresa Samba Tech e possui um catálogo de 45 títulos, entre longas, curtas, séries, videoclipes e podcasts.
programação do Festival:

Dia 1 – sexta-feira =  A partir de 19h
Cátia de França (PB)
Leo Viramundo (RJ)
Surfa (MG)
Cabruêra (PB)
Pereira da Viola (MG)

Dia 2 - sábado – A partir de 18h30
Caru de Souza (RJ)
Rodrigo D'Sá & Os Serafins(MG)
Totonho (PB)
Renato Barushi (MG)
Wister (PB)
Nathalia Bellar (PB)

Dia 3 – domingo = A partir de 18,30h
Sandra da Portela (RJ)
Roger Resende (MG)
Carol Ferraz (MG)
Fernando Macieira (PB)
Os Gonzagas (PB)
Poliana Rezende (PB)


Dia 4 – segunda-feira = A partir de 18h30
Pedro Faissal e o Meio Free (PB)
Betinho Pereira (MG)
Cristiano Oliveira (PB)
Murilo Abrita (MG)
José Wilson (MG)
Sandra Belê (PB)

Dia 5 – terça-feira = A partir de 18,30h
Amorim (PB)
Ismael Carvalho (RJ)
Flores Baldias (PB)
Marcos Alves (MG)
Luana Flores (PB)
Stone Age (MG)

Dia 6 – quarta-feira = A partir de 18,30h
Leo Mantovani (MG)
Maria Sem Vergonha (PB)
Pedra Relógio (MG)
Pedro Indio (PB)
Murilo Gazzola (MG)
Newton Couto (RJ)

Dia 7 – quinta-feira = A partir de 18,30h
Edy Nascimento (MG)
Toninho Borbo (PB)
Lais Dal Bianco (MG)
Thaylis Carneiro (MG)
Rieg (PB)
Val Donato (PB)

Dia 8 – sexta-feira = A partir de 19h
Dudu Lima (MG)
Emmerson Nogueira (MG)
Seu Pereira (PB)
Aline Calixto (MG)
Otto (PE)


Transmissões: www.youtube.com/energisaoficial  
Doações: evoe.cc/festivalfiqueemcasa 
Movimento Energia do Bem: www.movimentoenergiadobem.com.br 
Polo Audiovisual: www.poloaudiovisual.tv

domingo, 8 de março de 2020

Serena Saudade já está a venda com um dos autores

O livro Serena Saudade, com poemas de Carlos Roberto Pimenta e fotos do município de Recreio,MG tiradas por Ruy Germello já se encontra a venda . Veja em LOJA ANO RADIANTE 

terça-feira, 26 de junho de 2018

Banda de rock ROAX agora também em rádios web da Radiante Recreio


A BANDA ROAX faz parte de nossa programação com as músicas de seu rock original HELENA e ILUSÃO... O TEMPO APAGOU!. As músicas estão sendo veiculadas em nossa playlist diariamente após o programa Giro Musical no Shows de Eventos em Ano Radiante e no programa Momentos Marcantes em Tempos Radiante, depois do Conexão Jovem.  Na Radiante Recreio rádio web o programa Show de Eventos é a partir das 9h e Momentos Marcantes em Tempos Radiante é em duas apresentações, pela manhã às 10h e depois a tarde, às 14h. Na Recreio Minas Web Rádio os programas têm início uma hora  após apresentados na Radiante Recreio, às 10h ( Shows de Eventos...) e 11h  e 16h ( Momentos Marcantes...).A Tempos Radiante Rádio Web também faz apresentações diárias das músicas da banda Roax.

OUVIR RADIANTE RECREIO AQUI

OUVIR RECREIO MINAS AQUI

OUVIR TEMPOS RADIANTE AQUI

sábado, 9 de junho de 2018

Festival João Rock espera 60 mil pessoas no dia 09 de junho em Ribeirão Preto

RIBEIRÃO PRETO, Brasil, 8 de junho de 2018 - /PRNewswire/ -- Colocando o interior de São Paulo na rota dos principais festivais do país, o João Rock chega em 2018 à sua 17ª edição movimentando a economia e atraindo negócios. Em uma área de 120 mil metros quadrados, sendo 77 mil só para os palcos, 20% maior do que no ano passado, a expectativa é de receber jovens de todo país em um único dia. A programação inclui 24 shows em 4 palcos neste sábado, dia 09 de junho.
O evento vem crescendo também em marcas nacionais patrocinadoras, nesta edição estreiam Colorado, Fini e a startup de serviços financeiros Neon. PayPal, Jack Daniel's e Rede Bull estão também presentes. "O público jovem consome de um jeito diferente, por isto é tão importante a criatividade nas ações, como o festival de música que a Red Bull promove 
dentro do João Rock, ou o pub da Jack Daniel's, o mini Luit Marques, organizador.
campeonato de skate da MCD, por exemplo. São novos olhares e abordagens", conta
A Neon terá um espaço para karaokê, área para Light Painting – fotos que geram efeito de luzes – pintura facial com tinta neon, aplicação de flash tatto e ainda um mezanino com vista para o palco JR.
O evento tem ainda o apoio de UNAERP, Ophicina, Via Mia e MCD.
Data: 09 de junho
Local: Parque Permanente de Exposições de Ribeirão Preto
Palco João Rock: Pitty, Gabriel O Pensador, Skank, Criolo, Supercombo, Cordel do Fogo Encantado, Raimundos, Natiruts e Planet Hemp.
Palco Brasil: Homenagem Tropicália - Os Mutantes, Tom Zé e os projetos: Refavela 40 (Gilberto Gil, Anelis Assumpção, Chiara Civello, Mestrinho, Bem Gil e Moreno Veloso) e Ofertório (Caetano, Moreno, Zeca e Tom Veloso).
Palco Fortalecendo a Cena: Kilotones, Rael e convidados, Froid, Sinara, Francisco El Hombre e Dônica.

quinta-feira, 31 de maio de 2018

Falta de combustíveis revela dependência e necessidade de pensar alternativas ao petróleo

Planejamento energético é essencial para diminuir a queima de combustíveis fósseis, que gera impactos na saúde e no meio ambiente
A informação sobre uma possível falta de combustível provocou uma corrida aos postos já nos primeiros dias de paralisação dos caminhoneiros. Filas quilométricas, histórias de pessoas que dormiram ou passaram horas dentro dos carros para garantir um pouco de gasolina ou etanol não foram raras. Esse cenário revela a excessiva dependência que temos dos combustíveis fósseis (carvão mineral, gás natural e petróleo) e a necessidade de pensar em alternativas para a geração de energia.

Segundo a doutora em Gestão Pública pela FGV, diretora do World Resources Institute (WRI-Brasil) e membro da Rede de Especialistas em Conservação da Natureza, Rachel Biderman, é importante usar essa crise para refletir sobre como estamos sujeitos ao petróleo - o que nos torna vulnerável  a interesses econômicos e políticos, além de causar enormes impactos na saúde e no meio ambiente. "Além dos preços abusivos, estamos reféns também da falta de uma política energética focada nas energias renováveis, perdendo na competição com outras economias emergentes que já aderiram às mesmas”, explica.
Ainda de acordo com a especialista, a queima de combustíveis fósseis gera enormes impactos na saúde das pessoas e no meio ambiente. Os gases que saem dos escapamentos dos veículos são altamente poluentes, resultando no agravamento do efeito estufa e em mudanças climáticas. Essas alterações no clima também afetam as hidrelétricas, suscetíveis aos cada vez mais recorrentes períodos de seca nos rios. "Um círculo vicioso na série de consequências causadas pela queima dos combustíveis", alerta.
Para se ter uma ideia sobre a abrangência do problema, um relatório divulgado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) mostra que, em todo o mundo, nove em cada dez pessoas respiram ar poluído e contaminado. A OMS associa a falta de pureza do ar a vários problemas de saúde, como doenças cardiovasculares, Acidente Vascular Cerebral e doença pulmonar obstrutiva crônica. A entidade estima que sete milhões de pessoas morrem todos os anos por problemas causados diretamente pela poluição.
Para Rachel, a crise demonstra que os últimos governos não priorizaram o planejamento energético e as energias renováveis, como solar e eólica. “A política que a gente tem hoje não contempla ganho de escala. Precisamos  melhorar os incentivos para que o uso dessas energias sejam relevantes no Brasil”, explica. Enquanto isso, países como China, Índia e México avançam no uso de alternativas energéticas. Para isso, criaram políticas públicas, pacotes de pesquisa e fazem uso de subsídio público que viabilizam projetos.
Para a especialista, o Brasil vai avançar quando ouvir mais a academia, pesquisadores e empreendedores que estão trazendo soluções na área de energia renovável. “É preciso criar políticas públicas e priorizar investimentos no setor para alavancar essa economia”, conclui.
 Sobre a Rede de Especialistas - A Rede de Especialistas de Conservação da Natureza é uma reunião de profissionais, de referência nacional e internacional, que atuam em áreas relacionadas à proteção da biodiversidade e assuntos correlatos, com o objetivo de estimular a divulgação de posicionamentos em defesa da conservação da natureza brasileira. A Rede foi constituída em 2014, por iniciativa da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza.

domingo, 8 de abril de 2018

Keybone, o hip hop nigeriano nas rádios web da Radiante Recreio

KEYBONE, cantor e compositor nigeriano, lança seu primeiro álbum musical Going Pro em ritmo hip hop. O próprio Keybone  através de e-mail  enviou-nos a seguinte mensagem, acompanhado do seu material de promoção: Muito obrigado por criarem uma plataforma para apoiar artistas e a criatividade. Agradeço sinceramente a adição das minhas músicas em sua programação.”

O álbum do artista independente, grande expressão do hip hop afro Keybone é destaque no programa Raízes  Radiante, programa das rádios web do JORNAL DE RECREIO,Minas ( Radiante Recreio, Recreio Minas e Tempos Radiante) nesta semana desfilando as músicas do repertório do artista nigeriano do seu álbum de estréia Going Pro, Volume 1 que foi escrito e gravado em Joanesburgo, África do Sul.  O álbum tem 13 músicas, e quatro de seus hip hop serã apresentados na primeira edição do programa na rádio Radiante Recreio , nesta QUARTA-FEIRA , 11 de abril/2018, às 8h,pela manhã e à tarde, às 14h.
Depois o programa tem reprise, na Recreio Minas , seguindo a linha de trabalho das rádios web da Editora Radiante, sempre uma hora após o apresentado inicialmente na Radiante Recreio: QUARTA-FEIRA, dia 11, às 9h, pela manhã, e a tarde, às 15h. Já o canal Tempos Radiante apresentará as edições do programa Raízes Radiante numa próxima temporada, ainda ser programado. Você está convidado.
PROGRAMA RAÍZES RADIANTE
11-ABRIL-2018
1ª APRESENTAÇÃO - RADIANTE RECREIO Rádio Web
8h e depois às 14h
 NA RECREIO MINAS Web Rádio -11-abril-2018 = 9h e  15h

período: 11 a 17-abril-2018

Ouvir Radiante Recreio . Ouvir Recreio Minas



terça-feira, 27 de março de 2018

Ano Radiante divulga sucessos de Marcos Paulo e Marcelo e de Gringo Apaixonado

 Marcos Paulo e Marcelo

 Gringo Apaixonado
Sempre de prontidão, ANO RADIANTE divulgando eventos e compartilhando soluções, atende ao chamado de seus ouvintes, leitores e colaboradores em geral quer seja através das rádios web ( Radiante Recreio, Recreio Minas e Tempos Radiante) quer seja através de seus sites ou blogs ou das publicações como por exemplo O JORNAL DE RECREIO,Minas onde e quando tudo começou há 50 anos. É assim que neste mês temos mais atrações nas rádios web com a participação de Marcos Paulo e Marcelo ( apresentando Mesa de Bar, Espelho Quebrado e 18 Anos )  e Gringo Apaixonado ( com Querência Amada, Tordilho Negro e Cadê o Meu Gaiteiro) .
Ouvir nas Rádios RADIANTE RECREIO , RECREIO MINAS e TEMPOS RADIANTE